Caiado diz que não seguirá medidas de Bolsonaro no combate ao Coronavírus

Tempo de Leitura: 1 minuto

RESUMO DA NOTÍCIA

  • O governador Ronaldo Caiado em pronunciamento, afirmou que o estado não vai seguir as determinações do presidente Jair Bolsonaro para o combate ao Coronavírus.
  • O chefe do executivo goiano repreendeu a fala do presidente de colocar a economia à frente das vidas das pessoas.
  • Caiado afirmou que para evitar o avanço do vírus o decreto de isolamento social está mantido, assim como o fechamento temporário do comércio, escolas e serviços que não são essenciais.

O governador Ronaldo Caiado em pronunciamento, afirmou que o estado não vai seguir as determinações do presidente Jair Bolsonaro para o combate ao Coronavírus de reabrir escolas, comércios, e permitir a locomoção de pessoas nas ruas. Em tom de rompimento com o chefe da nação, Caiado que era aliado ao presidente, destacou que a partir de agora o diálogo com o Bolsonaro será por meio de comunicados oficiais e se preciso recorrerá aos outros poderes como o Congresso Nacional e o Superior Tribunal Federal (STF).

O chefe do executivo goiano repreendeu a fala do presidente de colocar a economia à frente das vidas das pessoas. E disse ainda, sem mencionar o nome de Bolsonaro, que tanto na política como na vida, a ignorância não é uma virtude e que não vai se acovardar diante do momento atual.

O governador Ronaldo Caiado destaca a sua frustação em relação à atitude do presidente. Caiado afirmou que para evitar o avanço do vírus o decreto de isolamento social está mantido, assim como o fechamento temporário do comércio, escolas e serviços que não são essenciais.

Por: Morgana Kelly

Procon vai fiscalizar ações da Aneel e dos Bancos em Goiás

Tempo de Leitura: 1 minuto

RESUMO DA NOTÍCIA

  • A Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel), devido a esta Pandemia, vai manter a determinação de não interrupção do fornecimento de energia, durante os próximos 90 dias.
  • A forma de pagamento vai ser diferenciada, pois as concessionárias serão desobrigadas de cumprir algumas exigências regulatórias, como por exemplo, atendimento presencial ao público.
  • Sobre a situação dos bancos que oferecem prorrogação dos prazos de dívidas, linhas de crédito e até aumento do limite do cartão. Os clientes devem pedir auxílio ao Procon para amenizar qualquer prejuízo financeiro.

A Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel), devido a esta Pandemia, vai manter a determinação de não interrupção do fornecimento de energia, além de serviços e atividades consideradas essenciais, durante os próximos 90 dias. Estas medidas se estendem a todas as distribuidoras.

O Superintendente do Procon Goiás, Allen Viana, ressalta que vai ser observada a obediência da empresa quanto a proibição de suspensão de energia e explica também que a forma de pagamento vai ser diferenciada, pois as concessionárias serão desobrigadas de cumprir algumas exigências regulatórias, como por exemplo, atendimento presencial ao público.

Sobre a situação dos bancos que oferecem prorrogação dos prazos de dívidas, linhas de crédito e até aumento do limite do cartão. O superintendente orienta que vai fiscalizar, mas os clientes devem pedir auxílio ao Procon para amenizar qualquer prejuízo financeiro.

Por: Morgana Kelly

Pagamento do INSS

Tempo de Leitura: 1 minuto

RESUMO DA NOTÍCIA

  • O INSS começou a pagar, nesta quarta-feira, os benefícios de 35 milhões de aposentados, pensionistas e beneficiários da Previdência Social.
  • Por conta da pandemia do novo Coronavírus as agências bancárias estão atendendo em horários alternativos, mas as salas de autoatendimento do Banco do Brasil funcionam das 6h até às 22h.
  • Para saber em qual data o pagamento estará na conta, o segurado deve observar o último número no cartão de benefício, e consultar o site “Meu INSS”.

O INSS começou a pagar, nesta quarta-feira, os benefícios de 35 milhões de aposentados, pensionistas e beneficiários da Previdência Social. Por conta da pandemia do novo Coronavírus as agências bancárias estão atendendo em horários alternativos, mas as salas de autoatendimento do Banco do Brasil funcionam das 6h até às 22h.

Nesses dois primeiros dias os bancos costumam ficar lotados. Outra preocupação é com aglomeração de idosos, o que é considerado um perigo diante do risco de contaminação pelo vírus. O Gerente da agência do Banco do Brasil em Trindade, Valténo Inácio Ferreira, orienta as pessoas a procurem as agências em horários alternativos, e ressalta que o idoso tem a opção de usar o cartão para fazer compras.

Para saber em qual data o pagamento estará na conta, o segurado deve observar o último número no cartão de benefício, e consultar o site “Meu INSS”.

Por: Morgana Kelly

Coronavírus muda rotina de cidades turísticas em Goiás

Tempo de Leitura: 1 minuto

RESUMO DA NOTÍCIA

  • Caldas Novas conhecida pelas águas termais fechou clubes, hotéis, e não está recebendo nenhum turista.
  • Pirenópolis fechou parques e cachoeiras e proibiu o acesso a visitantes.
  • Até o momento Catalão tem um caso confirmado de Cononavírus, e também adotou medidas para evitar a proliferação da doença.

Caldas Novas conhecida pelas águas termais fechou clubes, hotéis, e não está recebendo nenhum turista. A prefeitura estabeleceu uma espécie de toque de recolher nas ruas. Mineiros implantou barreira sanitária com a presença da PM e equipes da saúde, bloqueando as três entradas da cidade.

Pirenópolis fechou parques e cachoeiras e proibiu o acesso a visitantes. Só entra moradores locais e funcionários da área da saúde que moram em outros municípios. Para entrar em Silvânia, região central de Goiás, é preciso passar pelo controle realizado pela PM.

Até o momento Catalão tem um caso confirmado de Cononavírus, e também adotou medidas para evitar a proliferação da doença. O prefeito, Adib Elias, que também é médico, ressalta a importância de continuar com o isolamento social.

Niquelândia que tinha feito uma barreira para limitar o acesso foi obrigada pela justiça a desfazer o bloqueio, sob pena de ser multada em R$ 10 mil por dia. As pessoas não estão respeitando a quarentena e estavam indo ao município fazer lazer no lago Serra da Mesa.

Por: Morgana Kelly

Guarda Civil Metropolitana de Goiânia intensifica as fiscalizações em parques públicos

Tempo de Leitura: 1 minuto

RESUMO DA NOTÍCIA

  • A Prefeitura de Goiânia por meio da Guarda Civil Metropolitana (GCM), aumenta a fiscalização.
  • Essa medida é mais um esforço da Prefeitura para ajudar a conter a pandemia deste vírus.
  • Se a população não seguir as orientações, a medida pode ser mais rigorosa penalizando a população com multa.

A Prefeitura de Goiânia por meio da Guarda Civil Metropolitana (GCM), aumenta a fiscalização em parque e praça pública para evitar a aglomeração de pessoas e a propagação do Coronavírus.

Essa medida é mais um esforço da Prefeitura para ajudar a conter a pandemia deste vírus. O porta voz da Guarda Civil Metropolitana de Goiânia, Genilson Saldanha, reforça as orientações para evitar a contaminação com o COVID-19.

O porta voz da GCM, reforça que se a população não seguir as orientações, a medida pode ser mais rigorosa penalizando a população com multa.

Por: Morgana Kelly

Caiado adota medidas para garantir abastecimento de alimentos em Goiás

Tempo de Leitura: 1 minuto

RESUMO DA NOTÍCIA

  • O Governo de Goiás assegura que não haverá desabastecimento de alimentos no estado.
  • O Decreto publicado, no último dia 20, garante a manutenção dos serviços voltados para a produção, distribuição e comercialização de alimentos.
  • Os produtos vão abastecer todo o comércio na Região Metropolitana e o interior do estado.

O Governo de Goiás assegura que não haverá desabastecimento de alimentos no estado. O Decreto publicado, no último dia 20, garante a manutenção dos serviços voltados para a produção, distribuição e comercialização de alimentos. O campo não parou e é de lá, que virá maior parte do que vai parar na mesa do cidadão, durante a quarenta.

O Secretário de Estado de Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Seapa) Carlos Souza Lima Neto, adianta que a cadeia produtiva não parou, e foram adotadas medidas de segurança para garantir que não falte alimentos nas gôndolas dos supermercados.

Laticínios, frigoríficos e indústrias de processamento de produtos alimentícios estão em atividade, foram adotaram medidas de higiene, obedecendo os protocolos para proteger a saúde dos funcionários e evitar a contaminação pelo Coronavírus.

Em Goiânia, na Central de Abastecimento (Ceasa) as atividades não foram interrompidas. Tem restrição de acesso ao galpão mais garantindo a entrada dos compradores de frutas, verduras, peixes entre outros alimentos. Os produtos vão abastecer todo o comércio na Região Metropolitana e o interior do estado.

Por: Morgana Kelly

Associação Goiana de Supermercados justifica o aumento no preço de produtos

Tempo de Leitura: 1 minuto

RESUMO DA NOTÍCIA

  • Devido ao aumento abusivo dos preços nos produtos de limpeza e da cesta básica em supermercados da capital, a Associação Goiana de Supermercados (AGOS), foi em busca de justificativas.
  • A instituição afirma que o aumento do preço do arroz e do feijão foi por conta do intenso período chuvoso, comprometendo a qualidade dos alimentos.
  • O Procon e o Ministério Público de Goiás estão intensificando a fiscalização, para impedir a prática de aumento indevido nos preços das mercadorias.

Devido ao aumento abusivo dos preços nos produtos de limpeza e da cesta básica em supermercados da capital, a Associação Goiana de Supermercados (AGOS), foi em busca de justificativas.

A instituição afirma que o aumento do preço do arroz e do feijão foi por conta do intenso período chuvoso, comprometendo a qualidade dos alimentos, já o preço do açúcar aumentou porque uma das empresas está com dez carretas paradas na estrada, o que impede que a mercadoria seja entregue.

O presidente da AGOS, Gilberto Soares, explica que está conscientizando os empresários para não aproveitar o momento e aumentar a margem de lucro.

O Procon e o Ministério Público de Goiás estão intensificando a fiscalização, para impedir a prática de aumento indevido nos preços das mercadorias. E quem for flagrado fazendo isso será enquadrado no crime contra a economia popular, e a pena pode chegar a cinco anos de prisão e multa.

Por: Morgana Kelly

Polícia registra crescimento de crimes pela internet com a pandemia do Coronavírus

Tempo de Leitura: 1 minuto

RESUMO DA NOTÍCIA

  • A Polícia Civil de Goiás está investigando crimes que praticados por meio do aplicativo Covid-19 tracker que tem um mapa sobre os casos da doença.
  • Trata-se de um programa malicioso, que quando é baixado bloqueia celular, computador e outros dispositivos. Depois de instalado, o vírus criptografa todas as senhas e informações do usuário.
  • A orientação é para não baixar link e aplicativos de plataformas de downloads não confiáveis.

A Polícia Civil de Goiás está investigando crimes que praticados por meio do aplicativo Covid-19 tracker que tem um mapa sobre os casos da doença.

Na realidade trata-se de um programa malicioso, que quando é baixado bloqueia celular, computador e outros dispositivos. Depois de instalado, o vírus criptografa todas as senhas e informações do usuário e os criminosos já fizeram várias vítimas, não só no Brasil, mas também no exterior.

A Titular da Delegacia Estadual de Repressão a Crimes Cibernéticos, Sabrina Leles, alerta que devido a quarenta, tem menos pessoas circulando nas ruas, portanto os estelionatários mudaram a maneira de agir.

A orientação é para não baixar link e aplicativos de plataformas de downloads não confiáveis. Os sites não oficiais são suspeitos.

Por: Morgana Kelly

Psicólogo orienta como cuidar da saúde mental durante o confinamento social

Tempo de Leitura: 1 minuto

RESUMO DA NOTÍCIA

  • Manter o equilíbrio mental em tempos de confinamento é um desafio para a população.
  • Com a mudança de rotina e maior permanência dentro de casa, devido a pandemia do novo Coronavírus, a tendência é que os conflitos familiares aumentem.
  • O cérebro tem reação diante da quarentena e uma alternativa para manter a mente saudável, é evitar pensamento negativo.

Manter o equilíbrio mental em tempos de confinamento é um desafio para a população. Com a mudança de rotina e maior permanência dentro de casa, devido a pandemia do novo Coronavírus, a tendência é que os conflitos familiares aumentem.

Presidente do Conselho Regional de Psicologia, Wadson Arantes, afirma que é natural a pessoa ter medo e receio diante do novo, e que o isolamento social pode provocar impacto na saúde mental gerando tristeza e depressão.  

Segundo ele, o cérebro tem reação diante da quarentena e uma alternativa para manter a mente saudável, é evitar pensamento negativo, criar rotina de home office, estabelecer um convívio saudável, dentro de casa, e a relação afetiva tem que ser maior que o medo. Wadson Arantes diz que a melhor maneira é saber aproveitar as horas livres fazendo coisas que antes não tinha tempo por causa da correria.

Outra sugestão do médico é não ficar vendo notícia o tempo inteiro, filtrar as informações que chegam pelo WhatsApp e internet para não absorver as “fake news” e dar preferência para as fontes com credibilidade para ter conhecimento do que está acontecendo ao seu redor.

Por: Morgana Kelly

Justiça Eleitoral faz adequação de serviços durante a Pandemia

Tempo de Leitura: 1 minuto

RESUMO DA NOTÍCIA

  • O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) suspendeu, desde a última segunda-feira, o atendimento presencial na Justiça Eleitoral, até o dia 30 de abril em todo o país.
  • Foi adotado o home office e somente os casos excepcionais deverão ser analisados pelo Juiz Eleitoral ou Chefe de Cartório Eleitoral, onde ficará fixado o telefone para contato.
  • Todas as rotinas administrativas da Justiça Eleitoral estão seguindo as datas estabelecidas pelo calendário eleitoral.

O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) suspendeu, desde a última segunda-feira, o atendimento presencial na Justiça Eleitoral, até o dia 30 de abril em todo o país. Foi adotado o home office e somente os casos excepcionais deverão ser analisados pelo Juiz Eleitoral ou Chefe de Cartório Eleitoral, onde ficará fixado o telefone para contato.

Sobre os serviços que precisam ser oferecidos, o diretor-geral do Tribunal Regional Eleitoral (TRE-GO), Wilson Gamboge Júnior, garante que o eleitor pode ter acesso a praticamente quase todos os serviços que são ofertados pela internet.

Em relação as eleições municipais em outubro, o diretor ressalta que todas as rotinas administrativas da Justiça Eleitoral estão seguindo as datas estabelecidas pelo calendário eleitoral, já que este só pode ser modificado mediante ao posicionamento do Congresso Nacional.

Por: Morgana Kelly

1 2 3 4 5 11