Tempo de Leitura: 1 minuto

RESUMO DA NOTÍCIA

  • Na tarde desta quinta-feira (21), o presidente Jair Bolsonaro se reuniu por videoconferência com o deputado major Vitor Hugo (PSL-GO) e também com a Frente Parlamentar Católica.
  • Na introdução explicou que sua infância foi marcada por suas aulas de catecismo.
  • Durante a reunião, as lideranças católicas cobraram maior aproximação com o governo federal.

Na tarde desta quinta-feira (21), o presidente Jair Bolsonaro se reuniu por videoconferência com o líder do governo na Câmara, deputado major Vitor Hugo (PSL-GO) e também com a Frente Parlamentar Católica, que estava sendo representada por diversos líderes religiosos, dentre eles estava o vigário coadjutor do Santuário Basílica do Divino Pai Eterno, Padre Welinton Silva.

O presidente afirmou que sua eleição em 2018 foi um “milagre”. Na introdução explicou que sua infância foi marcada por suas aulas de catecismo, cantou uma música destes tempos, ressaltou ser católico e explicou o nome do meio, Messias.

Bolsonaro ainda comentou brevemente sobre a reunião com os governadores na qual ele afirmou que vai sancionar o auxílio aos estados. O encontro foi mediado pelo deputado major Vitor Hugo que explicou que a reunião foi produtiva, por que ele e o presidente puderam conhecer e se associar com diversos líderes religiosos católicos.

Durante a reunião, as lideranças católicas cobraram maior aproximação com o governo federal. Bolsonaro se comprometeu pela defesa da família e outras pautas conservadoras.

Por: Morgana Kelly

Write a Reply or Comment