Tempo de Leitura: 1 minuto

RESUMO DA NOTÍCIA

  • A Polícia Civil prendeu de forma temporária uma mulher de 23 anos suspeita de fazer parte de um grupo criminoso responsável por pelo menos cinco golpes estelionatários, todos contra moradores de Goiânia.
  • O grupo já teria causado um prejuízo de quase R$ 29 mil às vítimas identificadas.
  • Foi possível recuperar parcela do valor transferido pelas vítimas.

A Polícia Civil prendeu de forma temporária uma mulher de 23 anos suspeita de fazer parte de um grupo criminoso responsável por pelo menos cinco golpes estelionatários, todos contra moradores de Goiânia.

O grupo já teria causado um prejuízo de quase R$ 29 mil às vítimas identificadas. A jovem foi presa no Setor Morada do Sol, região noroeste da capital na última sexta-feira (16). Além da suspeita, a irmã dela já havia sido presa em flagrante, no final do mês de junho, pelos mesmos crimes.

De acordo com o delegado Olemar Santiago, responsável pelo caso, as vítimas são em grande parte, pessoas idosas. O delegado explicou que todas as vezes, o grupo utilizou fotografias dos filhos das vítimas em perfis do aplicativo Whatsapp e solicitaram as transferências de valores, sob as mais diversas alegações. Acreditando na conversa enganosa, os idosos

Agora presa, a jovem vai responder pelos crimes de estelionato, mediante fraude eletrônica, e associação criminosa. Ainda segundo o investigador, além da prisão da jovem, as contas bancárias de três pessoas foram bloqueadas, por solicitação da autoridade policial. Após o bloqueio, foi possível recuperar parcela do valor transferido pelas vítimas.

Por: Morgana Kelly

Write a Reply or Comment