Tempo de Leitura: 1 minuto

RESUMO DA NOTÍCIA

  • O MEC abriu inscrições para mais 162 mil bolsas de estudos parciais ou integrais ofertadas pelo Prouni em universidades particulares.
  • Somente em Goiás são mais de 7 mil vagas.
  • Para realizar a inscrição ou conferir o cronograma completo o interessado deve acessar: prouniportal.mec.gov.br.

O Ministério da Educação (MEC) abriu inscrições para mais 162 mil bolsas de estudos parciais ou integrais ofertadas pelo Programa Universidade para Todos (Prouni) em universidades particulares. Somente em Goiás são mais de 7 mil vagas, e devido o adiamento da aplicação do Enem de 2020 para janeiro deste ano, serão utilizadas as notas da prova referentes a 2019.

Para concorrer às bolsas integrais, o estudante deve comprovar renda familiar bruta mensal, por pessoa, de até 1,5 salário mínimo. Para as parciais, de 50%, a renda familiar bruta mensal deve ser de até 3 salários mínimos por pessoa. É preciso ter alcançado, no mínimo, 450 pontos de média das notas do Enem, e não ter zerado a redação. Além de atender um dos seguintes requisitos: ter cursado todo o Ensino Médio em escola pública ou com bolsa em particular, ser pessoa com deficiência ou professor do nível básico da rede pública de ensino.

O interessado deve realizar a inscrição na página do Prouni na internet até a próxima sexta-feira. O candidato pode escolher até duas opções de cursos. O resultado da primeira chamada será divulgado em 19 de janeiro, e da segunda chamada em 1º de fevereiro. Caso não seja convocado, há ainda a possibilidade manifestar interesse pela lista de espera entre 18 e 19 de janeiro.

O acadêmico de jornalismo e bolsista integral do Prouni, Diego Anatálio, destaca que o programa é importante para o acesso e permanência de muitos estudantes na graduação, pois sem o auxílio pagar a mensalidade seria impossível. Para realizar a inscrição ou conferir o cronograma completo o interessado deve acessar: prouniportal.mec.gov.br.

Por: Morgana Kelly

Write a Reply or Comment