Tempo de leitura: 3 minutos –

RESUMO DA NOTÍCIA

    • Em Goiânia, novas regras para a matrícula no ensino infantil.
    • Para garantir uma vaga na rede pública será exigido o CPF da criança.
    • O objetivo é priorizar o atendimento as famílias carentes.

A Secretária Municipal de Educação em Goiânia anunciou novas regras para a matrícula no ensino infantil a partir do próximo ano. Para garantir uma vaga no Cmei ou no Centro de Educação Infantil será exigido o CPF da criança.

Antes da matricula, o interessado terá que preencher o cadastro sócio econômico familiar no site da prefeitura que está disponível a partir de novembro.

O Secretário Municipal de Educação, Marcelo Costa, adianta que o objetivo é priorizar o atendimento as famílias carentes, 20% das vagas são destinadas para os inscritos no Programa Bolsa Família e a novidade é a reserva de 40% das vagas nas para as mães trabalhadoras.

Para garantir a vaga a mãe que trabalha tem que apresentar o contra-cheque, carteira de trabalho ou o comprovante do MEI Micro Empreendedor Individual.  A matricula no ensino fundamental será no dia 3 de dezembro e para o CMEI no dia 17 de dezembro. A criança que não tiver o CPF, pode obtê-lo gratuitamente nos correios ou no Banco do Brasil. Na Receita Federal o valor cobrado é de 7 reais e 50 centavos.

Por: Morgana Kelly