Tempo de Leitura: 1 minuto

RESUMO DA NOTÍCIA

  • Na Diocese de Uruaçu, as Obras Sociais contam com a Comunidade Terapêutica Vida Nova.
  • Fundada no ano de 2003, a Comunidade alicerçou seus objetivos devido ao crescente número de dependentes químicos encontrados na cidade de Uruaçu e região.
  • Ela realiza o acolhimento de jovens e adultos dependentes do uso e abuso de substâncias psicoativas, os auxiliando na reestruturação de suas vidas.

Na Diocese de Uruaçu, as Obras Sociais contam com a Comunidade Terapêutica Vida Nova que realiza o acolhimento de jovens e adultos dependentes do uso e abuso de substâncias psicoativas, os auxiliando na reestruturação de suas vidas.

Fundada no ano de 2003, a Comunidade alicerçou seus objetivos devido ao crescente número de dependentes químicos encontrados na cidade de Uruaçu e região, e devido à dificuldade constatada que as famílias encontravam para buscar atendimento.

Atualmente a comunidade terapêutica acolhe dependentes químicos de todas as regiões do Brasil, ainda que o foco seja a região do estado de Goiás. Possui capacidade máxima para 30 pessoas.

Durante o programa terapêutico, os acolhidos participam de inúmeras atividades, tais como: terapia ocupacional, acompanhamento psicológico, oficinas de leitura e interpretação de textos, grupos de partilha, momentos de espiritualidade, atividades de lazer, dentre outras.

A instituição tem como missão, acolher e cuidar de usuários de substâncias psicoativas, proporcionando-lhes um encontro pessoal com Deus e ajudando-os a se reintegrarem ao ambiente familiar e social com mais dignidade e cidadania, além de proporcionar um estilo de vida saudável nos níveis biológico, psicológico, social e espiritual.

Também estão nos objetivos: Elaborar projetos e oficinas, proporcionar cursos, seminários, contribuir para o aprendizado e a reinserção dos acolhidos de modo que essas pessoas, que se encontram em situação de vulnerabilidade, possam se sentir bem e felizes novamente. Para mais informações ou agendar visitas, basta entrar em contato pelo telefone (62) 3357-6455.

Por: Morgana Kelly

Write a Reply or Comment